Skip to content

Reações à vacina antirrábica assustam parte da população

31 de agosto de 2010

FERNANDA SOARES Redação Tribuna

pag08-foto01-26-08-2010

A Campanha Nacional de Vacinação Antirrábica, realizada anualmente no país, está sendo, este ano, motivo de preocupação para autoridades e donos de animais de estimação. Nos estados de São Paulo e Rio de Janeiro foram registradas 500 ocorrências, entre mortes e reações graves em cães e gatos logo após a imunização. Os casos ainda não foram esclarecidos, mas já provocaram reflexos em Petrópolis, onde a procura pela vacina foi baixa durante a última campanha realizada em seis localidades neste sábado. A Campanha Nacional, que acontece em diversos pontos da cidade, está agendada para o próximo dia 18 e a Vigilância Sanitária aguarda orientações do governo do Estado.
O coordenador da Vigilância Sanitária do Município, Eduardo de Lucena, explica que os lotes são distribuídos pelo Ministério da Saúde e que recentemente o método de fabricação e a fórmula da vacina, produzida por um laboratório nacional, foi alterada. “Sem uma investigação mais profunda, não há como apontar as causas das reações. O fato da vacina ser a mesma em todos os estados, já que ela vem do Governo Federal, não significa que nós teremos problemas, pois há muitas questões envolvidas. Um item importante é com relação à saúde do animal, que para ser vacinado não pode estar debilitado nem ter menos de três meses de vida”, diz.
Segundo a Nota Técnica nº 28/2010 divulgada pelo Ministério da Saúde, foram registrados nove casos graves, dentre eles oito mortes, num total de 309.031 animais vacinados na região metropolitana do Rio e nos municípios de São Paulo e Guarulhos. Segundo o documento, os eventos estão abaixo da taxa esperada e podem estar associados à resposta individual de cada animal, condições de armazenamento e aplicação do produto, além de fatores como doenças concomitantes, idade, número de doses aplicadas, tipo de agulha e seringa e via de administração.
A nota destaca ainda que não houve registros de reações severas em outros estados onde o material fornecido pelo Ministério da Saúde foi aplicado. Os sintomas mais graves apresentados pelos animais foram prostração, anorexia, dificuldade respiratória, convulsões e hemorragias.
Para a gerente de Programas Veterinários da WSPA (Sociedade Mundial de Proteção Animal, da qual as ongs petropolitanas Gapa-ma, AnimaVida e SPPA são afiliadas), Rosangela Ribeiro, é preciso que a situação seja esclarecida: “Temos agora um índice de reações além do normal. Sabemos da importância da campanha, mas precisamos agir com cautela”.
Com base nisso, a orientação da WSPA às afiliadas e aos donos de bichos de estimação é que esperem os resultados da investigação para então imunizarem seus animais. Segundo informações extraoficiais, os corpos dos cães que foram a óbito em São Paulo estariam na Universidade de SP para passar por necropsia. O laboratório fabricante dos lotes, o Biovet, também se compromete, como consta em nota disponibilizada no site da empresa, a investigar os casos.
Rosangela e o coordenador da Vigilância Sanitária recomendam aos proprietários de cães e gatos que tenham apresentado alguma reação após receberem a vacina notificar o município e procurar ajuda especializada. “Estamos fazendo um relatório para entregar ao governo do Estado. Nós utilizamos a vacina nova desde junho e até agora tivemos 25 relatos de gatos com sintomas leves como letargia, sonolência e falta de apetite. Por enquanto, a recomendação do Estado é a de continuar com a vacinação”, afirma Eduardo. A integrante da WSPA acrescenta que, no caso de reação, os donos devem procurar o veterinário para fazer o laudo e que, em caso de morte, é essencial fazer a necropsia.

http://www.e-tribuna.com.br/site2010/index.php?option=com_content&view=article&id=1761:reacoes-a-vacina-antirrabica-assustam-parte-da-populacao&catid=42:caes-e-gatos&Itemid=81&ml=5&mlt=system&tmpl=component

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: