Skip to content

Você sabe o que é VEGANISMO? Dia Mundial Vegano | 1º de novembro

31 de outubro de 2017

Veganismo

O veganismo é uma posição moral que se opõe à exploração dos animais não humanos ou, de outro modo, a prejudicá-los. Isso inclui o que fazemos diretamente, como a caça e a pesca e também inclui o que sustentamos como consumidores, o que afeta um número muito maior de animais. Os animais não humanos são rotineiramente mortos e obrigados a sofrer em fazendas e matadouros. Isso acontece porque existe uma demanda por produtos de origem animal, especialmente produtos alimentícios. O veganismo significa não consumir esses produtos para que os animais não sejam prejudicados para produzi-los.

No âmago do veganismo está o respeito por todos os seres sencientes. Os veganos veem todos os animais sencientes como seres que devemos respeitar, não como objetos para usarmos.

A importância de fazer a conexão

O veganismo está se tornando cada vez mais comum conforme mais pessoas aprendem que podem ajudar a evitar o sofrimento e mortes de animais substituindo alimentos e outros produtos de origem animal por opções que não envolvem a exploração dos animais não humanos. Além disso, conforme o veganismo se torna mais difundido, ele está levando a uma redução do especismo, a discriminação contra animais baseada na espécie a que pertencem.

Em nossas vidas agitadas, pode ser fácil perder a conexão entre como vivemos e como os outros são afetados. Mas quando pensamos sobre isso, realmente consideraríamos isso aceitável se estivéssemos no lugar dos animais não humanos? Se soubéssemos que poderíamos nascer como porcos ou galinhas, provavelmente nenhum de nós aceitaria um mundo onde animais são confinados e mortos para alimentação.

Também devemos considerar como nossas sociedades tratam alguns animais não humanos diferentemente de outros. É justo proteger alguns animais, como cães e gatos, e desconsiderar outros que sofrem da mesma forma que cães e gatos sofreriam na mesma situação? A maioria de nós não aceitaria o abuso de cães. Então, pode ser justo aceitar o que acontece com outros animais em fazendas e matadouros?

As alternativas estão em todas partes

Mais e mais pessoas estão escolhendo substituir alimentos de origem animal por alternativas saudáveis e saborosas. Com todas as opções disponíveis para nós, substituir produtos de origem animal por itens de origem vegetal está mais fácil do que nunca.

Em mercearias e supermercados, podemos escolher entre uma grande variedade de alimentos de origem vegetal por preços acessíveis, incluindo grão-de-bico, feijão, lentilha, massas, arroz, cereais, legumes, frutas, sementes e castanhas. Tofu, soja e hambúrgueres e nuggets vegetais estão se tornando cade vez mais acessíveis. Também são comuns leites vegetais feitos de uma variedade de grãos, feijões e sementes como soja, arroz, aveia e cânhamo. Iogurtes, queijos e sorvetes veganos estão se tornando mais populares também.

Não tem certeza sobre o que pedir quando comer fora com seus amigos e sua família? Pratos com arroz, massa, salada, cogumelos e batata estão disponíveis em quase qualquer restaurante e podem ser facilmente modificados se já não forem veganos. Além disso, restaurantes chineses, tailandeses, árabes, indianos, etíopes e italianos, entre outros, oferecem pratos deliciosos naturalmente livres de produtos de origem animal.

Fora dos supermercados e restaurantes, existem outros passos, ainda mais simples, que podemos dar para evitar contribuir para a exploração dos animais. Ao comprar roupas, por exemplo, podemos escolher alternativas livres de peles, couro, lã e penas. Existem muitos outros materiais à nossa disposição, incluindo tecidos de algodão, cânhamo, poliéster e microfibras feitos de vários materiais. A variedade de atividades de lazer que podemos desfrutar que não envolvem a exploração de animais é enorme. Em vez de caçar, pescar, ou ir a espetáculos com animais, por exemplo, podemos fazer caminhadas, ir ao cinema e a circos que não usam animais.

Todas as pessoas são capazes

A Academia de Nutrição e Dietética (The Academy of Nutrition and Dietetics, a maior associação de nutricionistas e médicos especializados em dietas de todo o mundo, antigamente conhecida como The American Dietetic Association) reconheceu que uma dieta vegana é saudável em todas as fases da vida. Isso também é demonstrado pelo fato de milhões de pessoas já terem escolhido viver suas vidas sem produtos de origem animal. Todos nós podemos fazer isso – você pode, também. Fazendo isso, você se tornará parte da solução para alcançar um mundo mais justo para todos os animais.

Todos nós podemos viver de maneira ética ao decidirmos ser veganos. Junte-se a milhões de pessoas que ajudam e defendem os animais.

Fonte: Ética Animal

Anúncios

EVANGELHO NO LAR COM IRMÃOS MENORES

10 de abril de 2017

Queridos Irmãos ,

Segue com muito amor, EVANGELHO NO LAR COM IRMÃOS MENORES para encher nossos lares de paz, amor, luz e proteção

Que Francisco de Assis nos ampare

Fonte http://cavile.com.br/

-~

As lágrimas de um pássaro

19 de setembro de 2016

© DAN DOUCETTE/PROJETO NOAH

Uma mariposa nutre-se das secreções dos olhos do martim-pescador-grande

Uma mariposa nutre-se das secreções dos olhos do martim-pescador-grande

Depois de ler um artigo sobre mariposas que se alimentavam da secreção dos olhos de pássaros que dormiam em matas de Madagascar, o biólogo Ivan Sazima, do Museu de Zoologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), procurou exemplos em florestas brasileiras.

Ele encontrou o que queria em uma imagem do fotógrafo canadense Dan Doucette em um site sobre animais, o Projeto Noah. Era um martim-pescador-grande (Megaceryle torquata) com uma mariposa (Azeta melanea) pousada em seu pescoço.

A mariposa estendia o probóscide – tubo sugador do aparelho bucal – até as glândulas lacrimais do olho do pássaro, indicando que extraía dali o líquido rico em sais e proteínas que lhe servia de alimento.
Segundo Sazima, a imagem, feita em dezembro de 2012 na Amazônia colombiana, é o primeiro registro desse fenômeno na América do Sul (Revista Brasileira de Ornitologia, julho).

20 imagens que vão fazer você mudar a forma como enxerga os caracóis

6 de setembro de 2016

Os caracóis nem sempre recebem a nossa atenção, sendo muitas vezes ignorados pelas pessoas.

No entanto, estas imagens mudarão o modo com o qual olha para estes bichinhos, fazendo-lhes enxerga-los como seres incríveis.

Quer ver só?

Abaixo, confira 20 imagens que vão fazer você mudar a forma como enxerga os caracóis:

Imagens que vão fazer você mudar a forma como enxerga os caracóis

Seleção traz 20 imagens que vão fazer você mudar a forma como enxerga os caracóis. Imagens nos fazem olhar para os caracóis como bichinhos incríveis. Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Foto: Incrivel.club

Fonte: Incrivel.club

Um cão e uma coruja se tornaram melhores amigos e agora não vivem sem a companhia um do outro

18 de agosto de 2016

Não é todo dia que se vê uma amizade entre um cão e uma coruja, mas estas imagens mostram que eles podem ser inseparáveis.

As fotos foram capturadas por um fotógrafo da Alemanha, que apresentou de um jeito muito especial a amizade entre os bichinhos.

As cenas estão incríveis!

Dá só uma olhadinha:

Um cão e uma coruja se tornaram melhores amigos

Fotógrafo mostra cão e coruja que se tornaram melhores amigos. Cenas são belíssimas e mostram que bichinhos não conseguem vivem sem a companhia do outro.

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Foto: Brightside

Fonte: Brightside

12 animais que não conseguiram conter suas emoções

3 de agosto de 2016

Os animais também possuem sentimentos e vez ou outra demonstram na cara as emoções que estão vivenciando.

As imagens a seguir não nos deixam mentir e mostram cenas nas quais os bichinhos demonstram exatamente o que sentem.

Para entender melhor o que estamos falando, confira 12 animais que não conseguiram conter suas emoções.

Veja só:

Seleção traz 12 animais que não conseguiram conter suas emoções. Imagens mostram bichinhos que demonstram na cara o que sentem.

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Foto: Imgur

Fonte: Incrivel.club

Fonte www.gadoo.com.br

Elefante que perdeu perna em mina terrestre ganha prótese para voltar a levar vida normal

11 de julho de 2016

Mosha, elefante fêmea que perdeu parte de uma das pernas aos 7 meses de vida na explosão de uma mina terrestre na fronteira de Myanmar com a Tailândia, agora usa uma prótese para caminhar.

Membros da fundação “Friends of the Asian Elephant Foundation”, em Lampang, Tailândia, onde o animal vive, contaram que a perda da pata sobrecarregou severamente a elefanta nas costas e também nas patas restantes.

Com isso resolveu-se fazer a prótese, mas à medida que o elefante cresce é necessária que uma nova tome o lugar da antiga.

Mosha está na nona prótese desde 2007. Quando foi ferida ela pesava cerca de 590 quilos e agora pesa cerca de 2.000.

Elefante que perdeu perna em mina terrestre ganha prótese

Mosha, elefante que perdeu parte de uma das pernas na explosão de mina terrestre na fronteira de Myanmar com a Tailândia, agora usa uma prótese para caminhar.

Outro elefante, Motola, que também é uma vítima de mina terrestre, foi outro a receber uma prótese. O animal não se adequou bem à nova perna porque sua lesão se torna desconfortável quando ele usa a prótese. Motola foi ferido em 1999.

Foto: Athit Perawongmetha - Reuters

Foto: Athit Perawongmetha – Reuters

As fronteiras da Tailândia e Myanmar ainda possuem muitas minas terrestres não detonadas, após décadas de conflito. De acordo com a “Friends of the Asian Elephant Foundation”, muitos elefantes são feridos por minas terrestres, especialmente os animais utilizados na extração de madeira, já que trabalham próximos às fronteiras.

Foto: Athit Perawongmetha - Reuters

Foto: Athit Perawongmetha – Reuters

Foto: Athit Perawongmetha - Reuters

Foto: Athit Perawongmetha – Reuters

Foto: Athit Perawongmetha - Reuters

Foto: Athit Perawongmetha – Reuters

Foto: Athit Perawongmetha - Reuters

Foto: Athit Perawongmetha – Reuters

Foto: Athit Perawongmetha - Reuters

Foto: Athit Perawongmetha – Reuters

Foto: Athit Perawongmetha - Reuters

Foto: Athit Perawongmetha – Reuters

Fonte: Buzzfeed e gadoo